Manifesto do Pijama

Manifesto do Pijama
Tem semanas que acredito pra valer que viver em sociedade é uma imposição. Se minha geladeira está cheia de comida e bebida. Minha casa está quentinha em oposição ao frio que faz lá fora.

Saio da cama, coloco a meia e visto minha havaianas. Sempre acho que pareço um samurai nessas horas, nem sei o porquê direito. O fato é que estou confortável. O telefone toca e eu deixo tocar. O celular vibra e eu deixo vibrar. O email chega e eu nem vejo. O Facebook pisca de mensagem – Marquinho Zucherberg chora – e eu perdi no feed de notícias que jamais abri.

Eu me isolo porque quero e mereço. Este é o manifesto do Pijama. Pelo direito a ser um vagabundo-filosófico-pensante-hermitão-do-dia-de-hoje. Afinal, hoje é o dia do meu ano que reservo para ela, minha amante no despertar das manhãs curitibanas, a preguiça.

Sobre Belão

Escritor, Professor e Publicitário. Não necessariamente nessa ordem. "Ele soava como um delírio de uma mente cansada da banalidade do segunda-à-sexta. Parecia daqueles que desfilam descuidados pelas ruas, sem se deixar afetar por nada ou ninguém. Com estilo próprio por excelência de consciência e com personalidade mais do que confusa pela falta de linearidade de todas suas idéias, pensamentos, ironias, citações e crises apocalípticas de descontentamento pelo mínimo que o existir exige."
Esse post foi publicado em Curitiba, gosto das coisas, Paz e marcado . Guardar link permanente.

3 respostas para Manifesto do Pijama

  1. Estamos juntos nesse manifesto! Texto muito bom de ler, adorei,

  2. Suze Timpani disse:

    Amo esse manifesto nos finais semana !!!

  3. Belão disse:

    eu também, Suze =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s