Arquivo da categoria: Amizade

Como todo Amor, nosso Amor é como nenhum outro

Ela me conta o que vai fazer, o que sonha em fazer, e eu sorrio. Suas palavras me levam para um lugar tranquilo, com sol e árvores. Ela dança de saia branca rodada. E eu me transformo em profundo amor … Continuar lendo

Publicado em Amizade, amor, declarações, gosto das coisas, intensidade, paixão | 8 Comentários

Papo de Cozinha

– Naquele noite, eu decidi só andar pela cidade. Acabei não fazendo nada de especial. – Como não? Você andou pela cidade, não? – Andei. – E conhecia a cidade já? – Conhecia, mas não éramos íntimos. – Conta então de … Continuar lendo

Publicado em Amizade, amor | Deixe um comentário

Papo de Cama

– Em se tratando de relacionamentos, nós nunca daríamos certo. – Por que você diz isso? – Porque estamos em momentos diferentes. Você tem muitas perguntas e muitas dúvidas. Eu tenho certezas demais e ainda mais perguntas. Estamos em momentos … Continuar lendo

Publicado em Amizade, amor, declarações, Escola da Vida, gosto das coisas, Love | 6 Comentários

Eu acredito no direito que todo mundo tem de se sentir perdido

Paixões sangram e amizades podem ser cortadas, mas amores foram feitos para pulsar. Impressiona-me a superficialidade com que construímos nossos laços. Da profundidade do pires, nossos vínculos são desfeitos feito papel é rasgado. Então, fica o vazio inevitável. O inevitável … Continuar lendo

Publicado em Amizade, amor, Escola da Vida, intensidade, problemas do mundo, viver | 6 Comentários

Prefácio do Livro Novo

Confiram uma partezinha do que está por vir no lançamento do meu terceiro livro. É o prefácio escrito com amor de pai para filho pelo meu grande amigo e mestre, Luiz Afonso, o LA. É um privilégio enorme uma amizade … Continuar lendo

Publicado em Amizade, Literatura, livro, livro do Belão, Luiz Afonso Caprilhone Erbano, No Lugar do meu Pai | Marcado com , | Deixe um comentário

Primeiro amor para sempre

  O meu primeiro amor eu já transformei em livro de saudade. O meu primeiro amor eu já transmutei em canção de um poeta morto. O meu primeiro amor eu vivi intensamente. Hoje me resta dizer que uma das melhores … Continuar lendo

Publicado em Amizade, amor, declarações, Escola da Vida, intensidade, Literatura | 7 Comentários

Ano Novo Absoluto

A madrugada nos envolve sem pedir licença. O bom e velho bloco surge das neves para reconfortar os dedos amortecidos e gelados. Há quem diga “fique aqui”, “vá até lá”, mas aprendi nas últimas semanas que o melhor é o … Continuar lendo

Publicado em ah! as pequenas coisas!, Amizade, amor, arte, Canadá, esperança, filosofia, intensidade, Love, Neve, paixão, Paz, Poesia, sol, tempo, viver | 11 Comentários